RegiãoSaúdeÚtimas Notícias

Estado pede contraprova de caso de febre chikungunya registrado em Passo Fundo

0
arcyto / stock.adobe.com
Compartilhe este post

A Secretaria Estadual da Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, solicitou uma contraprova do teste positivado para a febre chikungunya, transmitida pelo mesmo vetor da dengue, o mosquito Aedes aegypti, em Passo Fundo.

O paciente teve sintomas da doença em outubro do ano passado, mas o resultado do exame só foi confirmado em 11 de janeiro, através do Laboratório Central do Estado (Lacen), em Porto Alegre.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Cristine Pilatti, a contraprova foi solicitada pelo fato da região não ser endêmica para a doença e o paciente não ter histórico de viagem, o que caracteriza o diagnóstico como autóctone, contraído no próprio município.

O paciente contaminado está recuperado e passa bem. Conforme Pilatti, um segundo caso de residente em Passo Fundo foi confirmado em janeiro. Este, no entanto, seria importado, uma vez que o morador viajou para o Pará.

— O resultado deve sair ainda nesta semana. Assim poderemos identificar se de fato há a circulação do vírus na cidade — pontua a chefe da pasta.

Ela destaca, ainda, que o segundo paciente também tem bom estado de saúde e é monitorado pelas equipes da secretaria. Os principais sintomas da doença são dores e inchaços nas articulações, principalmente nos punhos e tornozelos, febre e manchas avermelhadas. Os indicativos da doença se assemelham aos da dengue.

Mais em Região