GeralSaúde

4.992 pessoas devem ser vacinadas contra a gripe em Espumoso

0
Foto: Arquivo/ClicEspumoso
Compartilhe este post

Iniciou nesta segunda-feira, 10, a campanha de vacinação contra a gripe no Rio Grande do Sul. A meta é aumentar a imunização, passando dos 80% de cobertura dos anos anteriores para 90% de trabalhadores da saúde, indígenas, crianças até cinco anos, gestantes, mulheres no puerpério e idosos com mais de 60 anos.

Os municípios devem priorizar a imunização dos profissionais da área saúde, pois são eles que terão contato direto com pacientes infectados. Outra novidade em relação aos anos anteriores é a decisão do Ministério da Saúde de vacinar também professores de toda a rede pública e privada.

Em Espumoso, de acordo com o setor de vacinação da secretaria municipal de saúde,  a meta é vacinar 4.992 pessoas dos grupos de risco.

A campanha irá até o dia 19 de maio e terá o dia “D” de vacinação sendo realizado no dia 10 de maio.

VACINAÇÃO CONTRA GRIPE

PERÍODO DE VACINAÇÃO

De 10 de abril a 19 de maio

QUEM DEVE SE VACINAR

– Pessoas com 60 anos ou mais
– Gestantes em qualquer idade gestacional
– Puérperas (até 45 dias após o parto)
– Crianças a partir de seis meses e menores de cinco anos
– População indígena
– Pessoas de cinco a 59 anos portadoras de doenças crônicas não transmissíveis
– Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas
– Trabalhadores da área da saúde (todos os trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados, nos diferentes níveis de complexidade)
– Detentos e funcionários do sistema carcerário
– Professores da rede pública e privada

ONDE SE VACINAR

Postos de saúde central e do Bairro São Valentim

A GRIPE

CONTÁGIO
Ocorre por meio de espirros, tosse e contato direto com pessoas ou locais e objetos contaminados (aperto de mão ou utilização de talheres, por exemplo).
Para diminuir as chances de contágio, os locais fechados devem ser evitados e o hábito de lavar as mãos (se possível, com álcool gel) deve ser frequente.

SINTOMAS
São parecidos com os de uma gripe comum: febre alta, dor no corpo, na garganta e tosse. Falta de ar, desconforto respiratório e tontura também podem acontecer. Vale destacar que os sintomas são muito semelhantes aos da dengue. O que diferencia as doenças é que a gripe apresenta sintomas respiratórios.

COMO PREVENIR
– Adotar hábitos simples de higiene, como lavar as mãos frequentemente com água e sabão.
– Não compartilhar objetos pessoais se estiver com
sintomas.
– Cobrir boca e nariz com lenço descartável ao tossir e
espirar.
– Manter ambientes de grande circulação sempre limpos.
– Deixar ambientes úmidos ventilados e iluminados com luz solar.

Mais em Geral