EducaçãoGeral

A importância da interação da criança na educação infantil

0
Compartilhe este post

A criança quando interage recebe estímulos do meio, desenvolvendo-se e aprendendo a viver na sociedade adquirindo conhecimentos necessários para a sua convivência. Por isso a interação com o outro é fundamental à formação social da criança.

O educar e o cuidar estão juntos e são indispensáveis na educação infantil. Não se pode falar nela sem antes falar em toque, carinho e no afeto com as crianças ou em uma com as outras. Por isso nesta etapa da vida, para as crianças pequenas a questão da afetividade tem destaque, pois seus sentimentos estão aflorados. É nessa relação com o adulto que a criança aprende. Para Vygotsky (1978), todas as funções psicológicas superiores são semioticamente mediadas e originam-se da internalizarão das relações sociais envolvendo as crianças e membros mais experientes da sua cultura.

Portanto, só existe o conhecimento se existir relacionamento, interações entre as pessoas e é assim que a criança constrói o seu, interagindo com adultos e os membros que estão ao seu redor. Verifica-se que o brincar, o aluno exerce um papel ativo na sala de aula, demonstrando que a ação pedagógica acontece na ideia de “aprender fazendo” e “aprender brincando”, interagindo com os sujeitos. A criança apropria-se do grupo social e das experiências ocorridas nas situações cotidianas.

A educação infantil é uma das etapas mais importantes no desenvolvimento da criança. Nesta fase ela obtém vivências que irão marcá-la por toda a sua vida.

           Por: Maria Celoir Delavy Ottoni : Licenciatura em Pedagogia

Mais em Educação