DestaquePolícia

Acusada de racismo é detida pela polícia, portando uma marreta, em escola de Passo Fundo

0
Foto: Arquivo
Compartilhe este post

Uma mulher foi detida na noite desta sexta-feira, 22, na Escola Profissionalizante João De Cesaro, no bairro Vera Cruz, em Passo Fundo.

O crime praticado por ela iniciou no dia anterior, onde após ter tido um caderno seu retirado de cima de um computador porque estava atrapalhando, foi colocado em cima da mesa.

Após isso, a mulher passou a dizer que haviam furtado na sua bolsa, tendo olhado para um colega e dito “vocês são acostumados a roubar”, dando a entender que pela cor da pele da vítima, este teria mexido em seus pertences.

No dia seguinte, ao chegar na escola, novamente a acusada se dirigiu ao colega dizendo “vileiro, vai roubar na sua vila e não na sala de aula”.

Diante dos fatos a BM foi acionada a comparecer na escola e após os policiais terem sido informados por vários colegas que haviam presenciado os fatos, a acusada foi informada que teria que ir, junto com a vítima e testemunhas registrar a ocorrência de racismo na delegacia de polícia.

A partir daí, a acusada entrou em surto e avançou contra quem viu pela frente, até mesmo contra um policial, que saiu lesionado. Para acalmar a mulher foi necessário utilizar arma de choque.

Em revista na bolsa da acusada, a polícia encontrou uma marreta de metal. O objeto foi apreendido.

Após o registro da ocorrência, a mulher foi liberada, mas vai responder inquérito por injúria racial.

Rádio Uirapuru

Mais em Destaque