Geral

Bolsonaro deve demitir o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, a qualquer momento

0
Compartilhe este post

O secretário de Vigilância e Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira, pediu demissão nesta quarta-feira. Wanderson é a primeira baixa da equipe do ministro Luiz Henrique Mandetta que deve ser demitido pelo presidente Jair Bolsonaro.

Um dos nomes que ganhou força nas últimas horas para assumir o ministério é o do secretário-executivo, João Gabbardo dos Reis. Wanderson e Gabbardo já tiveram desentendimentos no Ministério da Saúde, a ponto de Mandetta comentar sobre o assunto durante uma coletiva de imprensa. O ministro ressaltou que era comum a equipe da vigilância em saúde ter um posicionamento diferente dos demais. Por Wanderson o isolamento social seria mais mais rígido.
À coluna, Gabbardo afirmou que ninguém falou com ele sobre assumir o ministério e que prefere não se manifestar. 
Apesar de a demissão de Mandetta não ter sido confirmada oficialmente, pela manhã o presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai resolver a questão da saúde no país para poder tocar o barco. A declaração foi dada em frente ao Palácio da Alvorada para apoiadores que o aguardavam no local.
– “Pessoal, estou fazendo a minha parte. Resolveremos a questão da Saúde no Brasil para tocar o barco”, afirmou Bolsonaro.

*Blog Rafael Nemitz

Mais em Geral