DestaquesEstadoEstradasTrânsitoTransporte

Chuvas no RS afetam linhas de transporte intermunicipal; confira as alterações

0
Compartilhe este post

As intensas chuvas que assolam o Rio Grande do Sul impactaram o sistema de transporte intermunicipal de passageiros. O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), ligado à Secretaria de Logística e Transportes, divulgou, nesta terça-feira (17), as mudanças nas linhas afetadas.

Confira a situação das linhas:

Guaporé – Soledade (Condori Transportes e Turismo) Todos os horários estão suspensos devido à destruição da ponte sobre o rio Guaporé causada pela enchente.

Pelotas – Bagé e Bagé – Pelotas (Planalto) Até a normalização do tráfego na BRS-293, será feita uma conexão em Caçapava do Sul, resultando em um tempo de espera de 2 horas.

Rio Grande – Bagé e Bagé – Rio Grande (via Pelotas) (Planalto) Esta linha ficará suspensa até que o tráfego na BRS-293 seja restabelecido. As viagens terão conexão, com os passageiros da linha Rio Grande – Bagé sendo encaminhados inicialmente para a linha Rio Grande – Santa Rosa. Os usuários deverão desembarcar em Caçapava do Sul e, então, utilizar outro ônibus até o destino final (Bagé). Na viagem de Bagé para Rio Grande, o trajeto será o inverso. O tempo de espera para a conexão é de 2 horas, e o valor da passagem permanece o mesmo.

Observação: A interrupção na BRS-158 (Itaara) afetou algumas linhas da empresa Ouro e Prata, que estão sendo desviadas via Santiago. Atualmente, não há atendimento para Cruz Alta e Júlio de Castilhos. As linhas afetadas são:

  • Linha 0673: partida às 9h de Santa Maria – Santa Rosa;
  • Linha 0673: partida às 15h de Santa Rosa – Santa Maria;
  • Linha 1080: partida às 6h30 de Santa Rosa – Bagé;
  • Linha 1080: partida às 8h45 de Bagé – Santa Rosa;
  • Linha 1900: partida às 19h de Santa Rosa – Uruguaiana;
  • Linha 1900: partida às 22h de Uruguaiana – Santa Rosa.

Todas essas linhas estão registrando atrasos em suas chegadas, conforme informado pelo Daer. A população é orientada a ficar atenta a possíveis atualizações sobre a situação das linhas afetadas.

Mais em Destaques