DestaqueGeralPolíticaÚtimas Notícias

Giovani Cherini apresenta hoje sua “defesa” à Comissão de Ética do PDT Nacional

0
Compartilhe este post

[vc_row][vc_column width=”1/1″][vc_column_text]

Partido abriu processo de expulsão do parlamentar por ter votado favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff

O coordenador da Bancada Gaúcha Federal, deputado Giovani Cherini (PDT), se reuniu na semana passada, 4, em Brasília, com o advogado José Eduardo Rangel de Alckmin, responsável por sua defesa no processo que trata de sua expulsão do Partido Democrático Trabalhista (PDT) por ter votado favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff.

O documento deverá ser entregue hoje , 9, e o julgamento de Giovani Cherini (o mais votado da história do PDT gaúcho) está marcado para o dia 30, no Rio de Janeiro. ”Vou alegar que votei com a minha consciência e que pretendo dar segmento para a minha história de 28 anos neste partido”, afirmou o deputado federal. Em anexo ao processo de defesa do pedetista, estarão as manifestações de apoio ao parlamentar e repúdio ao posicionamento da executiva nacional do partido. “Recebi centenas de mensagens de prefeitos, vereadores e diretórios municipais do PDT no Rio Grande do Sul. Essas manifestações também estão sendo encaminhadas à executiva nacional e estadual do PDT”, disse Giovani Cherini.

Conforme ata de reunião do PDT Nacional ocorrida no dia 15 de abril, na capital federal, foi aprovado um “ex oficio” de expulsão de Giovani Cherini do PDT pelo fato do parlamentar ter manifestado, publicamente, seu voto favorável ao impedimento da presidente da república. A expulsão ocorreu de forma antecipada ao voto e sem direito de defesa. “Uma grande injustiça”, resumiu.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaque