EsportesGeral

Liverpool vence Monterrey no fim e será o adversário do Flamengo na decisão do Mundial

0
Compartilhe este post

O Flamengo já sabe quem será seu adversário na grande final do Mundial de Clubes no próximo sábado: é o Liverpool. Os Reds sofreram, mas venceram o Monterrey por 2×1 no jogo disputado na noite desta quarta-feira (18, tarde no Brasil) em Doha, no Catar.

Apesar do Monterrey ter criado poucas oportunidades, quem dominou o princípio do jogo foi a equipe do Liverpool, abrindo o placar com Keïta após receber um passe sensacional de Salah aos 11 minutos. No lance seguinte, Pabón quase empatou, mas mandou acima do gol de Alisson. Um minuto depois, Alisson defendeu a bola cruzada de Gallardo, mas Funes Mori aproveitou o rebote e fez o gol de empate da equipe mexicana. Aos 26, Alisson defendeu uma bomba de Pabón. O Liverpool ainda perdeu algumas oportunidades na primeira etapa.

O Liverpool voltou pressionando mais na segunda etapa, mas quem teve a primeira chance perigosa foi o Monterrey: Pabón cobrou falta e Alisson defendeu. Aos 10, Salah passou de calcanhar para Milner, mas a zaga Rayada cortou para escanteio. Aos 16 minutos, após cobrança de escanteio, a bola foi desviada de cabeça e Origi concluiu, mas foi marcado impedimento. Aos 29, Milner cruzou e Origi bateu mal na bola. O gol da vitória saiu aos 45 do segundo tempo: Salah acreditou, Alexander-Arnold cruzou e Roberto Firmino, que entrou no final, mandou para o gol. O Monterrey ainda tentou empatar, mas sem sucesso.

Flamengo e Liverpool se enfrentam no sábado (21), às 14h30, no Estádio Internacional Khalifa, em Doha. Será a repetição do Mundial de 1981, quando o rubro-negro venceu por 3×0. Já o Monterrey enfrenta o Al-Hilal na disputa pelo terceiro lugar um pouco antes, às 11h30.

FICHA TÉCNICA:

Monterrey: Barovero; Medina, Montes (Layún), Sánchez e Vangioni; Pabón (Meza), Rodríguez, Pizarro (Gonzalez), Ortíz e Gallardo; Funes Mori. Técnico: Antonio Mohamed.

Liverpool: Alisson; Milner (Alexander-Arnold), Henderson, Gomez e Robertson; Keïta, Lallana e Shaqiri (Mané); Salah, Origi (Roberto Firmino) e Oxlade-Chamberlain. Técnico: Jürgen Klopp.

GOLS: Funes Mori (M); Keïta, Roberto Firmino (L).

CARTÕES AMARELOS: Vangioni, Antonio Mohamed, Gallardo (M); Gomez, Jürgen Klopp (L).

CARTÕES VERMELHOS:

ESTÁDIO: Estádio Internacional Khalifa, Doha (Catar).

ARBITRAGEM: Roberto Tobar, auxiliado por Christian Schiemann e Claudio Rios (trio chileno). Quarto Árbitro: Ovidiu Hategan (Romênia). Arbitragem de vídeo: Esteban Ostojich (Uruguai), Taleb Al-Marri (Catar) e Juan Martínez (Espanha).

*Bernades Digital

Mais em Esportes