DestaquesEsportes

Morre aos 59 anos o ex-jogador Pampa, campeão olímpico pela seleção brasileira de vôlei

0
Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal
Compartilhe este post

Morreu aos 59 anos o ex-jogador e campeão olímpico pela seleção brasileira de vôlei, André Felippe Falbo Ferreira, conhecido popularmente como Pampa. Ele lutava contra um linfoma de Hodgkin e faleceu nesta sexta-feira (07).

A informação foi confirmada pela Quem através de sua esposa. Ela não revelou detalhes sobre o ocorrido e pediu respeito em meio ao difícil momento. “Recebi a pior notícia de todas. Obrigada pelas orações. Quero ter meu momento em silêncio, por favor”, pediu Paula Falbo.

Ainda segundo a fonte, Pampa teria sido transferido no dia 19 de abril para a Beneficência Portuguesa de São Paulo, onde iria realizar um tratamento adequado, mas infelizmente acabou não resistindo.

Em meados de março, o ex-jogador foi diagnosticado com um linfoma de Hodgkin, sendo internado no mesmo mês em um hospital de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro.

Trajetória no esporte

Pampa deixou o seu nome no esporte ao conseguir a medalha de ouro durante os Jogos Olímpicos de Barcelona em 1992. Ainda esteve nas Olimpíadas de Seul 1988, que terminou com a quarta colocação da seleção brasileira.

Na época, ele foi eleito pela Federação Internacional de Vôlei como o melhor atacante brasileiro, tendo atuado na seleção por nove anos. Durante esse tempo, Pampa participou de 5 ligas mundiais, 2 Pan-Americanos, 4 Sul-Americanos, 2 Mundiais, 2 Copas do Mundo, 2 Olimpíadas e 1 Top Four.

Após deixar o esporte, ele trabalhou por cerca de dois anos no Ministério do Esporte, tornando-se também Secretário de Esportes da cidade de Suzano, em São Paulo, entre os anos de 2007 e 2010, Superintendente Estadual de Esportes do Estado de Pernambuco em 2015 e Secretário de Esportes em Campos, no Rio de Janeiro, entre os anos de 2013 e 2015, fazendo carreira também fora do esporte.

Revista Quem

Mais em Destaques