DestaquesGeralTecnologia

WhatsApp repagina aplicativo em 2021; veja o que vem aí

0
Desde o final de 2020, o aplicativo de mensagens tem adicionado ferramentas pedidas pelos usuários. (Foto: Reprodução)
Compartilhe este post

 

O ano de 2021 tem sido, até o momento, de grandes novidades nas ferramentas do WhatsApp, mensageiro controlado pelo Facebook, de Mark Zuckerberg. Adições nas funções de mensagem, de áudio e de ligações procuraram adaptar recursos para o aumento de uso da plataforma durante a pandemia de covid-19, que forçou o aumento intensivo da digitalização em todo o mundo.

Além dos incrementos funcionais, a empresa ainda enfrentou meses turbulentos por conta da nova política de uso do WhatsApp, que agora olha para o mercado na sua versão para negócios (WhatsApp Business) e quer oficializar o compartilhamento de informações com o Facebook para fins publicitários.

As mudanças acontecem depois de o concorrente Telegram aumentar o número de usuários no Brasil. Segundo o Panorama Mobile Time/Opinion Box – Mensageria no Brasil, o WhatsApp segue na liderança com a presença em 98% dos smartphones. O Telegram aparece em quarto lugar, mas vive um momento de forte crescimento. Em 2018, o Telegram estava presente em 15% dos celulares brasileiros, enquanto hoje o número é de 45%.

Confira as principais novidades que chegam ao WhastApp no futuro, além daquelas que já foram implementadas neste ano:

Design

Algumas mudanças são esperadas na interface do aplicativo. Por exemplo, as linhas que separam as conversas na tela inicial do app devem sumir. Os balões das mensagens também vão passar por mudanças. Os contornos vão ficar mais arredondados. As alterações devem ficar disponíveis em versão de teste para alguns usuários, para então serem liberadas para todos.

Novo arquivo

A nova função do arquivamento é para grupos. A novidade é que o usuário vai poder silenciar grupos separadamente. Com isso, o grupo fica automaticamente silenciado, mas mostra para o usuário o número de mensagens não lidas se houver alguma menção (um ‘@’ vai aparecer antes da última mensagem enviada). Essa opção ainda está na versão beta e disponível apenas para alguns usuários.

Atalho para figurinhas

O atalho para figurinhas funciona como o atalho dos emojis. Se o usuário digitar uma palavra que dá nome a algum sticker salvo, o WhatsApp vai sugerir a figurinha. A função ainda não está disponível.

Conta em vários dispositivos

Depois de muitos rumores, o WhatsApp confirmou que nos próximos meses vai liberar a função para usuários usarem a mesma conta do aplicativo em até quatro dispositivos. A informação foi revelada pelo site WABetaInfo, em uma entrevista com Mark Zuckerberg, presidente executivo do Facebook, e Will Cathcart, diretor do WhatsApp.

A previsão é de que o recurso seja lançado até agosto. Segundo Zuckerberg, a novidade não afetará a criptografia de ponta a ponta do WhatsApp, que protege as mensagens do app – ou seja, nem o Facebook nem terceiros conseguem ler o conteúdo.

Ligação de verificação

O WhatsApp pretende ligar para confirmar a identidade do usuário. O Flash Call, como vem sendo chamado, tem como objetivo evitar fraudes no aplicativo. Para ativar, será preciso optar pela verificação em duas etapas. A confirmação só acontece se o número que está tentando logar no WhatsApp for o mesmo que receber a ligação.

Áudio acelerado

A função de acelerar o áudio é recente. Os usuários podem aumentar a velocidade em até 2 vezes mais rápido que o original. Essa função já era conhecida dos usuários do app vizinho, o Telegram.

Transações bancárias

Já é possível realizar pagamentos e transferências instantâneos pelo WhatsApp. Para isso, o usuário precisa ter um cartão de débito em uma das instituições habilitadas como Banco do Brasil, Bradesco, Mercado Pago, Next, Sicredi e Woop na bandeira Visa e Inter, Itaú, Nubank e Sicredi na bandeira Mastercard.

Mensagem que desaparece 

As mensagens temporárias desaparecem após 7 dias do envio. Para isso, o remetente deve ativar a função “Mensagens Temporárias” no aplicativo. As mídias enviadas também serão apagadas, mas, se o smartphone destinatário estiver com o download automático ativado, fotos, vídeos e áudios vão continuar salvos no celular. Existe também a possibilidade de encaminhar as mensagens e tirar uma captura da tela antes que as mensagens sejam apagadas.
*O Sul.

Mais em Destaques