GeralRegiãoÚtimas Notícias

Encontrados em Não-Me-Toque corpos que podem ser da família desaparecida de Carazinho

0
Compartilhe este post

Três ossadas foram encontradas na manhã deste domingo, 1º de outubro, em uma fazenda no município de Não-Me-Toque. De acordo com informações, os corpos são de um homem e de duas mulheres e estão em adiantado estado de decomposição. Ainda que não se tenha informações sobre o caso, cogita-se a possibilidade dos cadáveres serem de Roberto Terres, de 46 anos, sua esposa Marcia Johan, de 50 anos, e a filha Maria Johan, de 15 anos, que estão desaparecidos desde maio deste ano.

O local onde os corpos estavam fica em uma região de mata fechada situada próxima a divisa de Não-Me-Toque e Colorado e foram encontrados por moradores que estavam cortando lenha, e quando viram um crânio, chamaram a polícia e encontraram três corpos na cova. Equipes da Polícia e do IGP foram até o local e os corpos foram levados para o IML – Instituto Médico Legal em Passo Fundo para necropsia.

IMG-20171001-WA0050Relembre o caso

A família de Carazinho e um vizinho não foi mais vista desde 24/05 quando segundo testemunhas, teriam ido até o interior de Colorado com um veículo Gol, placas de Carazinho, na companhia de um vizinho, para negociar um outro automóvel. Quando chegaram ao local, foram surpreendidos com tiros. O vizinho conseguiu fugir e acionou a polícia.

O veículo Gol em que eles teriam ido até Colorado foi encontrado queimado em Mormaço. Um suspeito crime, tratando-se de Flávio Diefenthaler Martins foi preso e indiciado por três homicídios dolosos, três ocultações de cadáver e também por tentativa de homicídio contra o vizinho que estava junto com a família e conseguiu escapar da emboscada.

Ele negou ter cometido o crime e não deu nenhuma pista sobre o local onde os corpos estariam escondidos.

Mais em Geral