GeralPolícia

Mais dois suspeito por assalto a Criciúma são presos e total vai a 14

0
Compartilhe este post
Ana Lanches

Durante o curso da investigação foi descoberto que parte do bando se refugiou em Gramado-RS após o assalto, onde houveram prisões.

A polícia civil de Santa Catarina confirmou a prisão de mais duas pessoas ontem (9) por envolvimento no ataque ao Banco do Brasil em Criciúma, no dia 1º de dezembro. Desta forma são agora 14 pessoas presas, porém como suspeitos.

A polícia também confirmou ontem que as investigações apontam uma ação feita não por uma única facção criminosa, mas pela participação de várias pessoas em diferentes setores.

Os responsáveis pelo caso informaram que a partir de agora os próximos passos não podem mais ser levados ao público para não atrapalhar os trabalhos. Há, segundo a polícia, a necessidade de total sigilo para se chegar ao núcleo da quadrilha e o trabalho não pode alertar os mesmos.

A polícia civil catarinense também reforçou a importância da comunidade para a investigação e que qualquer informação pode ser repassada pelo Disque Denúncia, no telefone 181.

Durante o curso da investigação foi descoberto que parte do bando se refugiou em Gramado-RS após o assalto, onde houveram prisões.

*Portal In Foco RS

Mais em Geral