DestaquesGeralSaúde

NOVEMBRO AZUL l Conscientização sobre o câncer de próstata: prevenção é a chave para a saúde masculina

0
Compartilhe este post

O câncer de próstata, o tipo mais comum entre os homens, infelizmente continua a ser uma das principais causas de morte na população masculina. De acordo com os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (Inca), 28,6% dos homens que desenvolvem neoplasias malignas sucumbem a essa doença no Brasil. A cada 38 minutos, perdemos um homem para o câncer de próstata.

Para entender melhor, a próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, com peso aproximado de 20 gramas, lembrando uma castanha. Localiza-se abaixo da bexiga e, em conjunto com as vesículas seminais, tem como principal função a produção do esperma.

Infelizmente, na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas evidentes. Quando os primeiros sinais se manifestam, cerca de 95% dos tumores já estão em estágio avançado, o que torna a cura mais desafiadora. Nessa fase, os sintomas incluem dores ósseas, desconforto ao urinar, frequência urinária aumentada, e presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Fatores de risco incluem histórico familiar da doença (pai, irmão ou tio), raça (homens negros têm maior incidência) e obesidade.

A prevenção e detecção precoce são cruciais para a luta contra o câncer de próstata. Homens a partir dos 45 anos, especialmente aqueles com fatores de risco, ou a partir dos 50 anos sem esses fatores, devem procurar um urologista para discutir a importância do exame de toque retal, que permite ao médico avaliar a glândula em busca de alterações suspeitas. Cerca de 20% dos diagnósticos de câncer de próstata são feitos através do exame de toque. Outros testes podem ser solicitados se houver suspeita da doença, incluindo biópsias guiadas por ultrassom transretal.

O tratamento ideal dependerá de diversos fatores, como estado de saúde atual, estágio da doença e expectativa de vida. Em casos de tumores de baixa agressividade, a vigilância ativa é uma opção, envolvendo monitoramento regular com intervenção apenas em caso de progressão da doença.

A conscientização e a busca por exames regulares são essenciais na luta contra o câncer de próstata. A prevenção é o caminho para a saúde masculina e para um futuro mais promissor.

Mais em Destaques