GeralPolíciaÚtimas Notícias

Pastor é preso por estupro no município de Barros Cassal

0
Compartilhe este post

[vc_row][vc_column width=”1/1″][vc_column_text]

Um pastor evangélico foi preso na manhã dessa sexta-feira, 13, pela Polícia Civil de Barros Cassal. Os policiais cumpriram um mandado de prisão preventiva contra o religioso, que reside no interior, mas acabou sendo localizado na área central. Ele é suspeito de ter estuprado a filha, desde a infância e de ter tentado abusar da enteada dela, uma menina. Ele foi conduzido ao Presídio de Soledade.

O caso chegou ao conhecimento da polícia depois que a criança relatou à família que o pastor tinha tentado abusar dela. O religioso teria inclusive ameaçado a menina, caso ela contasse algo para os pais. Após a denúncia deste caso, a filha dele, atualmente uma jovem, de 26 anos, relatou aos policias que tinha sido vítima de abusos por parte do pai desde os 12 anos. Aos 19 anos, ela teria engravidado dele. O filho hoje está com seis anos.

Depois disso, a mulher passou a ter um novo relacionamento e o pai então teria tentado abusar da enteada dela, de 11 anos. A mulher denunciou os abusos há cerca de três meses. Neste período, os policiais vinham investigando o caso. No entanto, o pastor teria passado a fazer ameaças à filha, caso ela contasse para alguém sobre os estupros. Por este motivo, a polícia decidiu pedir a prisão preventiva dele.

Na Delegacia de Polícia, o suspeito se negou a falar sobre os fatos. Depois foi encaminhado ao presídio. A polícia solicitou a realização de exame de DNA para verificar se o menino é mesmo filho do pastor, o que comprovaria que ele manteve relações com a filha. O nome do preso não é divulgado pela polícia para preservar a identidade das vítimas.

A informação é do Portal Gaz.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Mais em Geral